Azevêdo vai a Brasília atrás de recursos para tocar obras de enfrentamento à crise hídrica no Estado

-

O governador João Azevêdo informou, nesta segunda-feira (8), que irá a Brasília nesta terça-feira (9) atrás de recursos para avançar com ações de enfrentamento à crise hídrica que afeta a região do Brejo paraibano. O gestor adiantou que no próximo mês ocorrerá a licitação para a construção da adutora que levará água de Campina Grande para as cidades do Brejo.

O anúncio foi feito pelo gestor durante coletiva de Imprensa, ocorrida após o encerramento da solenidade de lançamento do programa “Primeira Infância’. O evento foi realizado na manhã de hoje, no Salão Nobre do Palácio da Redenção.

- Continua depois da Publicidade -

“No próximo mês será liberada a licitação da grande adutora, que será a solução definitiva, que vai levar água de Campina Grande, passando em Esperança, Remígio, Arara, atendendo Casserengue, chegando em Solãnea e  Bananeiras”, afirmou o governador.

A adutora em questão é uma obra de aproximadamente R$ 80 milhões, a preço de hoje, segundo informou o governador Azevêdo.

“Estarei indo a Brasília exatamente para tentar viabilizar recursos para essa adutora. E sensibilizar a bancada da Paraíba, já que a maioria concorda que essa obra é extremamente importante. Ou seja, você enfrenta um problema com ações, e ações nós estamos fazendo para aquela região, finalizou.

Mudança Climática

O governador Azevêdo explicou que o regime de chuvas no Brejo era mais regular, realidade que foi alterada por conta das mudanças climáticas, principal fator responsável pela crise hídrica na região.

Todavia, o gestor adiantou que o governo está com um conjunto de obras de curto, médio e longo prazos, como forma de contornar a atual crise hídrica. Azevêdo acrescentou que a sua gestão avança em ações concretas, tais como distribuição de caixas d’água, perfuração de poços e instalação de bombas.

Valter Nogueira
Valter Nogueira
Valter Nogueira de Amorim, jornalista profissional, é o editor-chefe do blog. Formado em Comunicação Social pela Universidade Federal da Paraíba (1988). Atuou nos principais jornais impressos do Estado, tais como A União, O Momento, Correio da Paraíba e O Norte. No campo administrativo, foi secretário de Comunicação da Prefeitura Municipal de Santa Rita (1997-2005), assessor de Imprensa da Prefeitura de Pedras de Fogo (2008). Exerceu, também, o cargo de gerente de Comunicação do Tribunal de Justiça da Paraíba, no período de fevereiro de 2015 a janeiro de 2019.

Compartilhe

Mais Lidas

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui