Cabedelo: Edvaldo Neto desmente vereadores que o acusam de ter criado mecanismo para tentar blindar agentes públicos

-

Em nota enviada ao Blog Valter Nogueira (valternogueira.com.br), o vereador Edvaldo Neto (PRB), da cidade de Cabedelo, solicita, por via amigável, o sagrado Direito de Resposta, como forma de, segundo ele, restabelecer a verdade acerca de notícia postada no Blog, nessa terça-feira (7), na qual tem o seu nome citado.

O Blog informa que, de pronto, atende à demanda do parlamentar, até porque pratica o bom jornalismo e defende o princípio do direito ao contraditório.

- Continua depois da Publicidade -

Na resposta, Edvaldo desmente cinco vereadores. Estes afirmaram que o mesmo (Edvaldo) estava criando mecanismos para tentar blindar agentes públicos denunciados/indiciados na Operação Xeque-Mate.

Na íntegra, a resposta do vereador Edvaldo Neto:

O vereador Edvaldo Neto, da cidade de Cabedelo, por meio do Direito de Resposta, desmente os vereadores Evilásio Cavalcanti, Júnior Paulo, Alex Lucena, Janderson Brito e Joedson (Dinho), que afirmaram que o mesmo estava criando mecanismos para tentar blindar o prefeito Vitor Hugo e outros agentes públicos denunciados/indiciados na Operação Xeque-Mate.

“Na verdade, o que se requer é corrigir, não só a emenda erroneamente proposta pelo vereador Evilásio Cavalcanti, e sim todo o texto previsto na Lei Orgânica Municipal.”

O vereador finalizou reafirmando o compromisso de “que continuará trabalhando, incansavelmente, em prol do seu povo e da sua cidade”.

Documento

Em documento enviado ao Blog, Edvaldo informa que a sua proposta – Emenda à Lei Orgânica nº 001/2021 – tem o propósito único de revogar, integralmente, o Artigo 69 da Lei Orgânica  Municipal.

Veja o documento: proposta Edvaldo Neto

Valter Nogueira
Valter Nogueira
Valter Nogueira de Amorim, jornalista profissional, é o editor-chefe do blog. Formado em Comunicação Social pela Universidade Federal da Paraíba (1988). Atuou nos principais jornais impressos do Estado, tais como A União, O Momento, Correio da Paraíba e O Norte. No campo administrativo, foi secretário de Comunicação da Prefeitura Municipal de Santa Rita (1997-2005), assessor de Imprensa da Prefeitura de Pedras de Fogo (2008). Exerceu, também, o cargo de gerente de Comunicação do Tribunal de Justiça da Paraíba, no período de fevereiro de 2015 a janeiro de 2019.

Compartilhe

Mais Lidas

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui