Lula erra ao deixar o país em meio à tragédia no Rio Grande do Sul

-

Por Valter Nogueira

O presidente Luiz Inácio Lula da Silva deveria estar no Rio Grande do sul, e não na Índia. Lula erra ao deixar o país em meio à tragédia que atinge municípios gaúchos desde a última segunda-feira (4). E não adianta informar(remediar) que o vice-presidente, Geraldo Alckmin, estará visitando o Estado nos próximos dias e que toda a estrutura do governo federal está à disposição do governo gaúcho.

- Continua depois da Publicidade -

Nessas horas, a presença do chefe do executivo é imprescindível. Lula ficou feio na foto, por assim dizer!

As fortes chuvas que ocorreram no Rio Grande do Sul desde a última segunda provocaram mais de 30 mortes, especialmente no centro do estado. O Rio Taquari transbordou e suas águas arrastaram vidas em torno de quarenta municípios. A localidade mais atingida foi o município de Muçum, com mais de 3 mil desalojados.

De acordo com especialistas, não havia muito o que fazer dada a violência da natureza, alimentada por um ciclone extratropical que brotou no Atlântico; houve rajadas de vento.

Em entrevista à imprensa, o governador do Rio Grande do Sul, Eduardo Leite, disse que “os rios subiram de uma forma surpreendente”.

“Os rios subiram de uma forma surpreendente, nunca vimos algo assim”, disse o governador Eduardo Leite (PSDB), que teve o cuidado de imediatamente visitar as áreas destruídas, próximo à cidade de Lajeado.

Viagem

Lula desembarcou em Nova Délhi (Índia) na sexta-feira (8). A tragédia no Rio Grande teve início quatro dias antes do embarque do presidente. Lula está na Índia para participar da 18ª Cúpula do G20, grupo das 19 economias mais industrializadas do mundo mais a União Europeia.

No que pese a importância do evento, nada justifica a viagem do presidente brasileiro em face do atual momento de dor por que passa o povo riograndense e, claro, brasileiro.

Caso decidisse ficar no Brasil – opção correta -, a ausência de Lula no encontro seria justificável. Os líderes mundiais iriam, com certeza, se solidarizar com o presidente Lula e com o povo brasileiro, em especial os gaúchos.

Exemplo disso ocorreu neste sábado (9) ante o terremoto que atingiu várias cidades no Marrocos. Os principais líderes mundiais não só prestaram solidariedade ao governo marroquino, como também ofereceram ajuda.

Resumo

O drama segue no Rio Grande e o presidente Lula continua na Índia!

Valter Nogueira
Valter Nogueira
Valter Nogueira de Amorim, jornalista profissional, é o editor-chefe do blog. Formado em Comunicação Social pela Universidade Federal da Paraíba (1988). Atuou nos principais jornais impressos do Estado, tais como A União, O Momento, Correio da Paraíba e O Norte. No campo administrativo, foi secretário de Comunicação da Prefeitura Municipal de Santa Rita (1997-2005), assessor de Imprensa da Prefeitura de Pedras de Fogo (2008). Exerceu, também, o cargo de gerente de Comunicação do Tribunal de Justiça da Paraíba, no período de fevereiro de 2015 a janeiro de 2019.

Compartilhe

Mais Lidas

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui