Encontro Nacional de Jornalistas em Assessoria de Imprensa acontece em Salvador

-

Assessoria de imprensa é a principal atividade de 43,4% dos jornalistas brasileiros

O maior fórum brasileiro de capacitação e organização de jornalistas com atuação em assessorias de imprensa e comunicação será realizado em Salvador, na Bahia, entre os dias 16 a 19 de novembro, no hotel Sol Victória Marina. Organizado pela FENAJ – Federação Nacional dos Jornalistas -, o evento de 2023 traz o tema “Assessoria de Imprensa e os Desafios da Atualidade”.

- Continua depois da Publicidade -

De acordo com os dados da pesquisa “Perfil do Jornalista Brasileiro 2021”, realizada pela Universidade Federal de Santa Catarina (UFSC) em parceria com diversas entidades, entre elas a FENAJ, mais de 1/3 dos jornalistas brasileiros (34,9%) trabalham fora da mídia, contemplando as atividades de assessoria de imprensa ou comunicação, produtoras de conteúdo para mídias digitais ou outras ações que utilizam conhecimento jornalístico. Desse universo, 43,4% declaram que sua atividade principal é realizada em assessorias de imprensa.

Os números revelam a importância do debate sobre a atualização da regulamentação profissional dos jornalistas para inclusão da função de assessor de imprensa. Esse será tema de um dos painéis do 22º Encontro Nacional de Jornalistas em Assessoria de Imprensa (ENJAI), que conta com apoio do Governo do Estado (através das Secretarias de Comunicação e de Turismo), Prefeitura de Salvador, Assembleia Legislativa da Bahia e Sindicato dos Fazendários da Bahia (Sindsefaz).

“Decorridos mais de 40 anos desde a última atualização da Regulamentação Profissional, o Decreto nº 83.284 – em que pese os avanços que o mesmo proporcionou – precisa ser atualizado para atender as necessidades do novo contexto da profissão de jornalista, especialmente em decorrências das mudanças tecnológicas, sociais, econômicas e culturais e também para fazer o enfrentamento à precarização e à retirada de direitos”, afirma a presidenta da FENAJ, Samira de Castro, que participará do painel, juntamente com o advogado Victor Gurgel. “A ausência da atividade de Assessoria de Imprensa da regulamentação favorece a retirada de direitos, a precarização, os conflitos e as divergências com outras categorias da comunicação”, informa oo presidente do Sindicato dos Jornalistas da Bahia (Sinjorba), Moacy Neves, que também é primeiro secretário da FENAJ.

“O mundo mudou. As novas tecnologias comunicacionais são uma realidade nas redações e assessorias de imprensa, mas a informação de interesse público, que é a matéria-prima do Jornalismo, continua dando as regras nas assessorias também”, afirma a presidente da Federação Nacional dos Jornalistas (FENAJ), Samira de Castro.

Além da capacitação profissional, o Encontro também prioriza a organização dos jornalistas com atuação em assessorias de imprensa. Esta edição traz temas como a atualização da regulamentação profissional para incluir o segmento que hoje emprega um terço dos jornalistas brasileiros. “Precisamos de organização política para exigir o cumprimento dos direitos dos jornalistas assessores de imprensa”, alerta Samira.

Valter Nogueira
Valter Nogueira
Valter Nogueira de Amorim, jornalista profissional, é o editor-chefe do blog. Formado em Comunicação Social pela Universidade Federal da Paraíba (1988). Atuou nos principais jornais impressos do Estado, tais como A União, O Momento, Correio da Paraíba e O Norte. No campo administrativo, foi secretário de Comunicação da Prefeitura Municipal de Santa Rita (1997-2005), assessor de Imprensa da Prefeitura de Pedras de Fogo (2008). Exerceu, também, o cargo de gerente de Comunicação do Tribunal de Justiça da Paraíba, no período de fevereiro de 2015 a janeiro de 2019.

Compartilhe

Mais Lidas

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui