Clickpb revela suposto interesse de empresários chineses: jazida de titânio

-

Interesse em nova jazida de minério precioso pode estar por traz da promessa do grupo de empresários chineses de construir “cidade internacional” em Mataraca, revela matéria publicada no portal Clickpb, nesta terça-feira (12). Trata-se da Ilmenita, que é fonte de titânio.

O minério pode ser encontrado nas areias das praias da região e a estimativa é de que a nova jazida seja bem maior do que as que já existem.

- Continua depois da Publicidade -

A reportagem informa que Ilmenita já foi extraída da mina do Guajú, que fica em Mataraca. Agora, a região voltou a chamar atenção dos empresários chineses. A expectativa é de que o minério esteja em maior quantidade do que antes havia sido previsto e poderá garantir uma riqueza vultosa ao seu explorador, podendo ultrapassar até mesmo os trilhões que estavam sendo comentados.

Tendo como característica a cor preta, a Ilmenita é um óxido de titânio e ferro com grande importância econômica. Seu uso é mais comum como minério de titânio, tendo ganhado grande importância na engenharia aero-espacial devido à sua resistência.

O minério é utilizado na construção de estruturas de alta resistência.

Estudos feitos por especialistas apontaram que a Paraíba, mais precisamente a cidade de Mataraca, chegou a ser responsável por 75% da produção de concentrados de Ilmenita e Rutilo em todo o Brasil. O Município, no Litoral Norte da Paraíba, é um dos principais produtores do minério no Brasil, juntamente com as cidades de São Francisco de Itabapoana, no Rio de Janeiro e Santa Bárbara de Goiás, em Goiás.

A título de exemplo, em 2018 o Porto de Cabedelo embarcou 31 mil toneladas de Ilmenita em apenas duas operações. Na época, o minério extraído de Mataraca tinha como destino a França e a Ucrânia.

China

A China é um grande mercado importador da Ilmenita e uma das principais fontes de extração é o Brasil. Agora os olhos dos empresários estrangeiros se voltam à Paraíba devido à baixa procura na extração deste material na região.

Brasil CRT

A reportagem de o ClickPB apurou que os sócios da Brasil CRT, que propõem construção da cidade “trilionária’, também têm negócios com minérios no Brasil. Ruotian Chen participa de empresas de exploração de recursos minerais e de mineração de diamantes, além de outras pedras preciosas.

Já Jianing Chen tem participação em empresas de mineração de ouro, além da exploração de petróleo e gás natural.

Valter Nogueira
Valter Nogueira
Valter Nogueira de Amorim, jornalista profissional, é o editor-chefe do blog. Formado em Comunicação Social pela Universidade Federal da Paraíba (1988). Atuou nos principais jornais impressos do Estado, tais como A União, O Momento, Correio da Paraíba e O Norte. No campo administrativo, foi secretário de Comunicação da Prefeitura Municipal de Santa Rita (1997-2005), assessor de Imprensa da Prefeitura de Pedras de Fogo (2008). Exerceu, também, o cargo de gerente de Comunicação do Tribunal de Justiça da Paraíba, no período de fevereiro de 2015 a janeiro de 2019.

Compartilhe

Mais Lidas

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui