Veja o esquema especial de trânsito para peregrinação de Nossa Senhora da Penha

-

A Superintendência Executiva de Mobilidade Urbana (Semob-JP) planejou um esquema especial de trânsito para o próximo sábado (27), durante a peregrinação da imagem de Nossa Senhora da Penha pela Capital.

O objetivo é manter o ordenamento e a segurança viária durante a peregrinação. Por isso, a principal orientação aos fiéis é de que aguardem a passagem do cortejo para prestarem suas homenagens, pois não será permitido o acompanhamento ao longo do trajeto.

- Continua depois da Publicidade -

Pelo segundo ano consecutivo, a tradicional romaria com presença de milhares de pessoas ainda não será possível por conta dos cuidados relacionados à pandemia, mas o comboio se tornou uma opção adequada para o momento.

Trajeto

A peregrinação de Nossa Senhora da Penha fará paradas rápidas em seis locais pontuais para oração por profissionais da saúde e enfermos. O trajeto terá o seguinte esquema: saída do Santuário, passagem pelo Hospital do Valentina, UPA Cruz das Armas, Igreja de Nossa Senhora de Lourdes (Jaguaribe), Hospital Santa Isabel (Tambiá), UPA Jardim Oceania (Bessa), UPA Bancários e retorno ao Santuário.

Estacionamento

A partir das 6h do sábado, não será permitido estacionar na região do Santuário de Nossa Senhora da Penha. Além disso, será isolado o campo de futebol, onde ocorrerá a missa campal às 20h. Apenas moradores terão passe livre com os veículos, que deverão estar com os adesivos padronizados distribuídos previamente pela Semob-JP.

Veículos permitidos na peregrinação

Apenas veículos oficiais poderão acompanhar a passagem da imagem pelas ruas, a exemplo de viaturas da Semob-JP, Corpo de Bombeiros, Polícia Militar, Departamento de Trânsito da Paraíba (Detran-PB), Departamento de Estradas e Rodagem (DER) e Polícia Rodoviária Federal (PRF).

Fonte: Secom-PMJP

Valter Nogueira
Valter Nogueira
Valter Nogueira de Amorim, jornalista profissional, é o editor-chefe do blog. Formado em Comunicação Social pela Universidade Federal da Paraíba (1988). Atuou nos principais jornais impressos do Estado, tais como A União, O Momento, Correio da Paraíba e O Norte. No campo administrativo, foi secretário de Comunicação da Prefeitura Municipal de Santa Rita (1997-2005), assessor de Imprensa da Prefeitura de Pedras de Fogo (2008). Exerceu, também, o cargo de gerente de Comunicação do Tribunal de Justiça da Paraíba, no período de fevereiro de 2015 a janeiro de 2019.

Compartilhe

Mais Lidas

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui