Passaporte da Vacina: Ricardo Barbosa comemora decisão do Supremo

-

O líder da maioria na Assembleia Legislativa, deputado Ricardo Barbosa, comemorou nesta segunda-feira a decisão do ministro Luís Roberto Barroso, do Supremo Tribunal Federal (STF), de tornar obrigatória a apresentação do passaporte da vacina para todo viajante do exterior que desembarcar no Brasil.

Ricardo Barbosa  é o autor da lei do passaporte da vacina na Paraíba, ao lado do deputado Adriano Galdino, presidente da Assembleia Legislativa da Paraíba.

- Continua depois da Publicidade -

Somente serão dispensados de apresentar o passaporte da vacina aqueles dispensados por razões médicas ou quem venha de país em que comprovadamente não haja vacina disponível ou por razão humanitária excepcional.

De acordo com Barbosa, a decisão demorou um pouco, mas veio em boa hora, de qualquer forma, já que contribuirá para conter o avanço do vírus nessa época de alta temporada turística.

“Temia-se que o Brasil fosse se tornar destino de passageiros não vacinados e negacionistas durante as festas de final de ano e no verão. Agora, com a decisão do STF, fico extremamente feliz”, disse.

Ele conta que na semana passada esteve em um restaurante em João Pessoa, com amigos, e lhe exigiram o passaporte da vacina. “Fiquei muito feliz ao pedirem meu passaporte, e aproveitei para informar que eu era autor do projeto de lei, que tanta polêmica provocou mas que, hoje, a maioria concorda que é uma medida eficaz na construção de barreiras para o coronavírus”.

Blog com Assessoria

Valter Nogueira
Valter Nogueira
Valter Nogueira de Amorim, jornalista profissional, é o editor-chefe do blog. Formado em Comunicação Social pela Universidade Federal da Paraíba (1988). Atuou nos principais jornais impressos do Estado, tais como A União, O Momento, Correio da Paraíba e O Norte. No campo administrativo, foi secretário de Comunicação da Prefeitura Municipal de Santa Rita (1997-2005), assessor de Imprensa da Prefeitura de Pedras de Fogo (2008). Exerceu, também, o cargo de gerente de Comunicação do Tribunal de Justiça da Paraíba, no período de fevereiro de 2015 a janeiro de 2019.

Compartilhe

Mais Lidas

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui