João Azevêdo espera conclusão das obras do PAC e destaca relação com o governo Lula

-

O governador João Azevêdo (PSB) destacou, durante o lançamento do Programa de Aceleração do Crescimento (PAC) na Paraíba, a parceria entre governos do Estado e Federal nas relações institucionais de trabalho, que vão gerar investimentos superiores a R$ 2,4 bilhões. O evento aconteceu nesta terça-feira (12), no Espaço Cultural José Lins do Rêgo, em João Pessoa.

Das 12 propostas apresentadas pelo governador e pela bancada paraibana ao presidente Luiz Inácio Lula da Silva (PT), 11 foram aprovadas. Os investimentos no estado, para João Azevêdo, reforça uma grande parceria entre o Estado e o Governo Federal, na qual ele reforça que foi muito pequena no governo do ex-presidente Jair Bolsonaro (PL).

- Continua depois da Publicidade -

“Nós vivemos momentos, há pouco tempo atrás, em que sequer governadores eram recebidos pelo presidente da República. Eu disse já, várias vezes, que eu já estive com o presidente da República mais vezes do que eu estive no mandato todo anterior. Estive com o presidente Lula mais vezes do que estive com o outro presidente. Essa é a verdade desse momento que vivemos”, ressaltou Azevêdo.

Há parceria entre os governos em muitos projetos, a exemplo do Canal Acauã/Araçagi, onde ambos entraram com recursos, no entanto outros projetos serão exclusivos do Governo Federal. O maior exemplo são as obras em rodovias na capital, como a triplicação da BR-230, a duplicação no Arco Metropolitano e o projeto de estudo para duplicação da BR-230 até Cajazeiras.

“Essas obras serão executadas pelo Governo Federal. Então desses R$ 2,43 bilhões mais de R$ 1 bilhão serão executados pelo Governo Federal. O que me interessa é que a obra seja feita. Por quem, não é importante. DNIT terá essa responsabilidade e eu espero que a gente consiga avançar muito”, destacou o governador.

Valter Nogueira
Valter Nogueira
Valter Nogueira de Amorim, jornalista profissional, é o editor-chefe do blog. Formado em Comunicação Social pela Universidade Federal da Paraíba (1988). Atuou nos principais jornais impressos do Estado, tais como A União, O Momento, Correio da Paraíba e O Norte. No campo administrativo, foi secretário de Comunicação da Prefeitura Municipal de Santa Rita (1997-2005), assessor de Imprensa da Prefeitura de Pedras de Fogo (2008). Exerceu, também, o cargo de gerente de Comunicação do Tribunal de Justiça da Paraíba, no período de fevereiro de 2015 a janeiro de 2019.

Compartilhe

Mais Lidas

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui