Ação de agentes públicos desocupa prédio da antiga Proserv; risco de desabamento

-

Na manhã desta quinta-feira (14), uma operação conjunta da Defesa Civil, Guarda Municipal e Polícia Militar está desocupando o prédio da antiga concessionária de veículos ‘Proserv’, no Centro Histórico de João Pessoa. O local está com a estrutura bastante danificada e corre risco de desabamento, o que levou a Defesa Civil a optar pela demolição da estrutura.

“Essa desocupação é movida por um laudo que a gente tem da defesa civil. É um prédio que corre risco de desabamento, resguardar a vida de que está ai dentro. São pessoas que estão usando como se morada fosse, e é inviável”, explicou o secretário de segurança de João Pessoa, João Almeida.

- Continua depois da Publicidade -

O local é apontado, também, como um dos focos de consumo de drogas no centro da capital, o que foi confirmado pelo secretário João Almeida em entrevista à imprensa.

“Se trata de um local onde ocorria uso de drogas, venda de drogas, um QG do crime organizado. Um QG que dava apoio a furtos e roubos aqui no centro da cidade. E pouquíssimas pessoas em vulnerabilidade, precisando de apoio”, detalhou João Almeida, em entrevista à imprensa.

De acordo com o coronel Kelson, responsável pela defesa civil da capital, no local deverá ser construído em breve um conjunto habitacional, por parte da prefeitura.

“Constatamos que a estrutura está bem comprometida. Muita corrosão, muita ferrugem. Eles (moradores) se utilizam de resto de resíduos para fazer queima no interior do prédio. Diante desse quadro todo a equipe técnica da defesa civil decidiu pela recomendação de demolição do prédio e oportunamente a prefeitura tensiona construir um condomínio reservado a alguns moradores da área do varadouro. O princípio primeiro de toda essa intervenção de hoje é de preservar a vida das pessoas que estão aqui”, explicou em entrevista à imprensa.

Famílias

Cerca de 20 pessoas que residiam no prédio serão atendidas pela Prefeitura Municipal. A ação foi autorizada pelo Ministério Público Federal e pelo Instituto do Patrimônio Histórico Nacional (Iphan), e a demolição do prédio foi recomendada pela equipe técnica da Defesa Civil, em virtude da comprometida condição estrutural, com preservação da vida das pessoas como prioridade.

Prédio

O prédio foi adquirido pela prefeitura da Capital e está destinado à futura construção de um conjunto habitacional. A operação foi parte de uma série de ações para desocupar imóveis em situação de risco na região central de João Pessoa.

Valter Nogueira
Valter Nogueira
Valter Nogueira de Amorim, jornalista profissional, é o editor-chefe do blog. Formado em Comunicação Social pela Universidade Federal da Paraíba (1988). Atuou nos principais jornais impressos do Estado, tais como A União, O Momento, Correio da Paraíba e O Norte. No campo administrativo, foi secretário de Comunicação da Prefeitura Municipal de Santa Rita (1997-2005), assessor de Imprensa da Prefeitura de Pedras de Fogo (2008). Exerceu, também, o cargo de gerente de Comunicação do Tribunal de Justiça da Paraíba, no período de fevereiro de 2015 a janeiro de 2019.

Compartilhe

Mais Lidas

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui