Cícero Lucena diz que fazer acusações não é do perfil do governador João Azevêdo

-

O prefeito de João Pessoa, Cícero Lucena (PP), expressou opinião sobre o recente imbróglio envolvendo o governador João Azevedo (PSB) e o Clã Cunha Lima. Em declaração nesta segunda-feira (5), Cícero afirmou que o perfil do governador não condiz com tais alegações, ao defender João em resposta às acusações de Pedro Cunha Lima (PSDB) sobre supostas declarações envolvendo seu avô, Ronaldo Cunha Lima.

“Esse não é o perfil do governador João Azevedo. Se é que aconteceu alguma coisa, deve ter tido má interpretação ou intenção de interpretar da forma que tentaram interpretar”, disse Cícero Lucena.

- Continua depois da Publicidade -

Cícero expressou, também, seu respeito contínuo por Ronaldo Cunha Lima e reiterou que o governador João Azevêdo foi mal compreendido.

“O governador João é uma pessoa que tem um olhar para a frente e o compromisso de trabalhar e cuidar do estado da Paraíba como um todo. Eu não vi nenhuma acusação por parte do governador João Azevedo, até porque eu fico à vontade para dizer isso, pois todos sabem do meu respeito e da minha admiração por Ronaldo Cunha Lima”, destacou.

João Azevêdo

A propósito do assunto, o governador João Azevêdo se manifestou também por meio de suas redes sociais.

Na postagem, o gestor destaca que “passou por uma campanha duríssima em 2022, enfrentando fortes grupos tradicionais da política paraibana, indo para um segundo turno com Pedro Cunha Lima, sem jamais criticar ou  mencionar sequer o nome do seu avô na campanha”.

Confira a publicação:

Valter Nogueira
Valter Nogueira
Valter Nogueira de Amorim, jornalista profissional, é o editor-chefe do blog. Formado em Comunicação Social pela Universidade Federal da Paraíba (1988). Atuou nos principais jornais impressos do Estado, tais como A União, O Momento, Correio da Paraíba e O Norte. No campo administrativo, foi secretário de Comunicação da Prefeitura Municipal de Santa Rita (1997-2005), assessor de Imprensa da Prefeitura de Pedras de Fogo (2008). Exerceu, também, o cargo de gerente de Comunicação do Tribunal de Justiça da Paraíba, no período de fevereiro de 2015 a janeiro de 2019.

Compartilhe

Mais Lidas

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui