INMET emite alerta de fortes chuvas para o Sertão e Cariri; ventos de até 100km/h

-

O Instituto Nacional de Meteorologia (Inmet) divulgou, nesta terça-feira (2), um novo alerta de perigo de chuvas para as regiões do Sertão e Cariri da Paraíba. A expectativa é de tempestades de até 100 milímetros por dia e a possibilidade de ventos intensos, chegando até 100km/h. O aviso laranja para 87 municípios é válido até às 10h do dia seguinte.

De acordo com a meteorologia, as chuvas podem variar entre 30 e 60 mm/h ou 50 e 100 mm/dia. Já os ventos podem ser muito intensos, variando entre 60 e 100km/h. Com isso, há um perigo mais alto de corte de energia elétrica, queda de galhos de árvores, alagamentos e descargas elétricas.

- Continua depois da Publicidade -

Por essa razão, o Inmet recomenda a população a não se abrigar ou estacionar o carro debaixo de árvores, por conta da possibilidade de queda de galhos, da própria vegetação, fios elétricos e até raios. Outra recomendação é desligar o quadro de força da residência nos momentos mais intensos da chuva e retirar aparelhos conectados à energia.

Alerta amarelo para Agreste e Brejo

Além do Sertão e do Cariri, as regiões do Agreste e do Brejo receberam um alerta amarelo, de perigo potencial, das chuvas nas localidades. O aviso também é válido até às 10h desta quarta-feira e se refere a 104 municípios paraibanos.

Em casos de problemas com as chuvas e as rajadas de vento, o Corpo de Bombeiros (193) e a Defesa Civil (199) devem ser acionadas para ajuda ou até mesmo resgate.

Valter Nogueira
Valter Nogueira
Valter Nogueira de Amorim, jornalista profissional, é o editor-chefe do blog. Formado em Comunicação Social pela Universidade Federal da Paraíba (1988). Atuou nos principais jornais impressos do Estado, tais como A União, O Momento, Correio da Paraíba e O Norte. No campo administrativo, foi secretário de Comunicação da Prefeitura Municipal de Santa Rita (1997-2005), assessor de Imprensa da Prefeitura de Pedras de Fogo (2008). Exerceu, também, o cargo de gerente de Comunicação do Tribunal de Justiça da Paraíba, no período de fevereiro de 2015 a janeiro de 2019.

Compartilhe

Mais Lidas

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui