Ministro cancela solenidade em respeito à morte do irmão do governador João Azevêdo

-

O Ministério dos Transportes cancelou, na manhã desta terça-feira (26), a solenidade de assinatura da ordem de serviço para retomada das obras de triplicação da BR-230 entre Cabedelo e João Pessoa. O evento foi anunciado ontem (28) e teria participação de lideranças da Paraíba, a exemplo do governador João Azevêdo (PSB), deputados, senadores e prefeitos.

O cancelamento ocorre após o falecimento do professor Bráulio Pereira Lins, irmão do governador João Azevêdo.

- Continua depois da Publicidade -

Em nota, a pasta informou que uma nova data será marcada para o ato. A obra foi autorizada pelo ex-presidente Michel Temer (MDB) ainda em 2017, mas se arrasta há seis anos e não chegou a ter 50% do total finalizado.

Segundo o Ministério, nessa nova etapa serão alocados R$ 151 milhões para prosseguimento das intervenções previstas em 28 quilômetros da rodovia, como execução de dois viadutos, conclusão e execução de seis passarelas e continuidade de implantação da terceira faixa e vias marginais, além de restauração da pista já existente. Só na Região Metropolitana da capital do estado, os trabalhos beneficiam 1,3 milhão de habitantes.

Valter Nogueira
Valter Nogueira
Valter Nogueira de Amorim, jornalista profissional, é o editor-chefe do blog. Formado em Comunicação Social pela Universidade Federal da Paraíba (1988). Atuou nos principais jornais impressos do Estado, tais como A União, O Momento, Correio da Paraíba e O Norte. No campo administrativo, foi secretário de Comunicação da Prefeitura Municipal de Santa Rita (1997-2005), assessor de Imprensa da Prefeitura de Pedras de Fogo (2008). Exerceu, também, o cargo de gerente de Comunicação do Tribunal de Justiça da Paraíba, no período de fevereiro de 2015 a janeiro de 2019.

Compartilhe

Mais Lidas

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui